A ESCOLA DO SUJEITO - ÉTICA - DESEJO DE ANALISTA - NOMEAÇÃO

(ref.: 9788577240012 (CO))

Autor: CLAUDE DUMÉZIL
Tradução: ANTONIO CARLOS V. BRAGA
Editora: COMPANHIA DE FREUD
Ano: 2005
Número de páginas: 146
Categoria Principal: Lacan

  • Compartilhe:
R$ 43,00
Coloque o cep:
  • Sumário
  • Sinopse
Prefácio............................................................................................ 9


Introdução

Que instituição para qual psicanálise?............................................. 11
por Claude Dumézil


Capítulo l

Ética ................................................................................................ 19
Textos de Bernard Brémond e Claude Dumézil


Capítulo 2

Ficção ..............................................................................................29
Textos de Bernard Brémond, Claude Dumezil e Marie-Noëlle Gaudé


Capítulo 3

Dispositivos .....................................................................................45
Textos de Claude Dumézil, Genevïève Granier de Cassagnac-Grauloup e Robert Lévy


Capítulo 4

Desejo de analista ........................................................................... 73
Textos de Bernard Brémond, Claude Dumézil e Robert Lévy


Capítulo 5

Nomeação .................................................................................. 87
Textos de Bernard Brémond, Claude Dumezil, Geneviève Granier de
Cassagnac-Grauloup, Serge Granier de Cassagnac, Jean-Claude Gross, Robert Lévy, Serge Sabinius e Danielle Treton


Envio

A instituição em ato ........................................................................... 103


Ressonâncias

1. Serendipidade ............................................................................... 111
por Danielle Treton


2. A sombra de uma dúvida ............................................................. 115
por Claude Dumézil


3. A casa do botão ........................................................................... 123
por Geneviève Granier de Cassagnac-Grauloup


4. O ano Mozart ................................................................................. 129
por Claude Dumézil


5. Do lado das Kerguelen ............................................................... 137
por Serge Granier de Cassagnac

As sociedades, as instituições, as escolas de psicanálise são lugares inevitáveis da formação dos analistas. Entretanto, as dilacerações, os conflitos incendiários, as cisões que as atravessam - embora sejam testemunhos de que, para ser analista não se deixa de ser homem - dão ao público, advertido ou não, a estranha impressão de que a psicanálise, longe de pacificar os costumes, cultiva sua exasperação, longe de realizar essa prática laica instaurada por Sigmund Freud, pode degenerar em guerra de religiões. A partir desses paradoxos, os autores desta obra chegaram à seguinte proposição: "A instituição psicanalítica, se existe, nada mais é que a cura". São os princípios que decorrem dessa hipótese que são aqui desenvolvidos, tanto dirigidos a uma coletividade psicanalítica dispersa quanto aos poderes públicos preocupados em ver claramente o que distingue radicalmente a formação de um psicanalista da formação de um psicoterapeuta, assim como aos leitores desejosos de ter algumas referências sobre a ética particular do analista de sua escolha.

quem comprou, também comprou
PSICOSSOMÁTICA - DE HIPÓCRATES À PSICANÁLISE - COLEÇÃO CLÍNICA PSICANALÍTICA
Escolha a quantidade
No momento a quantidade solicitada n?o esta dispon?vel em estoque
A ESCOLHA PROFISSIONAL EM QUESTÃO
Escolha a quantidade
No momento a quantidade solicitada n?o esta dispon?vel em estoque
CLÍNICA DO TRABALHO - COLEÇÃO CLÍNICA PSICANALÍTICA
Escolha a quantidade
No momento a quantidade solicitada n?o esta dispon?vel em estoque

    FORMAS DE PAGAMENTO

    REDES SOCIAIS