COMPLEXO, ARQUÉTIPO E SÍMBOLO NA PSICOLOGIA DE C.G. JUNG

(ref.: 9788532653284 (CO))

Autor: Jolande Jacobi
Tradução de Milton Camargo Mota
Editora: Vozes
Coleção: Reflexões Junguianas
Ano: 2016
Número de páginas: 223
Categoria Principal: Jung

  • Compartilhe:
R$ 48,90
Coloque o cep:
  • Sumário
  • Especificação

Prefácio,7

Parte I - Complexo, arquétipo e símbolo, 11

Complexo,15
Os grupos de representações emocionalmente acentuados no inconsciente, 15
Autonomia dos complexos, 19
obre a fenomenologia do complexo, 25
A diferença entre as concepções de Jung e Freud, 29
Sobre os dois tipos de complexos, 33
Complexos pertencem à estrutura básica da psique, 37
Neurose e psicose, 39

Arquétipo,43
A essência do arquétipo, 43
A evolução histórica do conceito de arquétipo em Jung, 45
Arquétipo, instinto e estrutura do cérebro, 48
O aspecto biológico do arquétipo, 52
Compreensão realista e simbólica, 60
Arquétipo e ideia platônica, 64
Os arquétipos não são imagens herdadas, 65
Arquétipo e Gestalt, 68
Hierarquia de arquétipos, 71
obre o inconsciente coletivo, 75
Arquétipo e sincronicidade, 78
Arquétipo e consciência, 82
Um exemplo derivado de um sonho, 86

Símbolo, 91
Arquétipo e símbolo, 91
O que é um símbolo?, 95
Símbolo e signo, 97
O símbolo em Freud e Jung, 107
O símbolo como mediador, 113
O símbolo como transformador de energia, 118
Símbolos individuais e coletivos, 122
O eu entre a consciência coletiva e o inconsciente coletivo, 130
Os símbolos do processo de individuação, 133
A capacidade da psique de transformar símbolos, 136
Resumo, 139

Parte II - Arquétipo e sonho, 145

Introdução, 147

O sonho do animal mau, 160
O duplo aspecto do animal, 164
Dragão e serpente, 166
O chifre, 171
O ofídeo com chifres, 173
Espetar e devorar, 175
O duplo aspecto psicológico, 178
Os pequenos animais, 181
A névoa azul, 183
O quatro, 188
Um e quatro, 192
O renascimento, 198
A viagem noturna por mar, 202

Conclusão, 215

Em princípio, complexo e símbolo, segundo Jung, coincidem em muitos aspectos, pois ambos se enraízam num núcleo de significado arquetípico e no inconsciente coletivo. Por isto, arquétipo, complexo e símbolo podem, com certa razão, ser usados como conceitos intercambiáveis em seu significado intrínseco, como fez Jung.
quem comprou, também comprou
O AVESSO DO MODELO - BONS PROFESSORES E A PSICANÁLISE
Escolha a quantidade
No momento a quantidade solicitada n?o esta dispon?vel em estoque
SABER FALAR - COMO SE ADQUIRE A LÍNGUA?
Vozes
R$ 62,80
Escolha a quantidade
No momento a quantidade solicitada n?o esta dispon?vel em estoque
LEITURAS DE PSICOLOGIA PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES
Escolha a quantidade
No momento a quantidade solicitada n?o esta dispon?vel em estoque

    FORMAS DE PAGAMENTO

    REDES SOCIAIS