WINNICOTT E SEUS INTERLOCUTORES

(ref.: 9788573164732)

Autor: BENILTON BEZERRA JR
Editora: RELUME DUMARÁ
Ano: 2007
Número de páginas: 390
Categoria principal: Winnicott

  • Compartilhe:
R$ 46,90 R$ 45,73
Coloque o cep:
  • Descrição
  • Especificação
Apresentação - Por que Winnicott hoje .................................................. 7
Benilton Bezerra Jr. e Francisco Ortega

Comunicação escrita e pensamento - O exemplo de D.W. Winnicott... 13
Rogério Luz

Winnicott e Merleau-Ponty: o continuum da experiência subjetiva ...... 35
Benilton Bezerra Jr.

Além das fronteiras da consciência - O self externalizado em
Winnicott e Dennett......................................................................... 66
Cláudia Passos Ferreira

Meio ambiente e selfe.m Winnicott: uma leitura relacional .................... 90
Fania Izhaki

Nietzsche encontra Winnicott............................................................. 105
Alexandre Jordão

Self e continuidade: entre Winnicott e William James.......................... 126
Francisco Ortega

Reflexões sobre confiança e hábito em D.W. Winnicott e J. Dewey ....... 166
Pedro Salem

Winnicott: a fidelidade da heterodoxia ............................................... 199
Carlos Alberto Plastino

A questão da internalidade e da externalidade em Winnicott e
Melanie Klein ............................................................................... 229
Julia Coutinho Costa Lima

Nas pegadas de Balint - Reflexões psicanalídcas de D.W. Winnicott.......... 253
Nathália S. Armony

Winnicott e Lacan: a importância do conceito de objeto transicional
na formulação do objeto a.............................................................. 269
Perla Klautau

André Green lê Winnicott.................................................................. 288
Luís Cláudio Figueiredo

Defesa e criatividade em Klein, Lacan e Winnicott ..........................315
Octavio Souza

A saúde entre norma social e vivido subjetivo: Winnicott e Gadamer ............ 345
José Fernando Soares Neto

Saúde e doença na psicanálise: sobre Georges Canguilhem e
Donald W. Winnicott.................................................................... 363
Carlos Eduardo EsteIlita-Lins

COMPRE JUNTO E ECONOMIZE
Para o pensador Donald Winnicott, o ser humano resulta do encontro de um potencial inato qualquer com a cultura. É nesse encontro que cada indivíduo processa sua singularidade e torna-se uma entidade viva e real. Nesta obra vários comentaristas recriam seus Winnicotts, através de uma inovadora retomada de suas teses, num interessante exercício que vale a pena ser lido, por especialistas ou não, pois a vida psicológica de todos é afetada pelo tema proposto.

    FORMAS DE PAGAMENTO

    REDES SOCIAIS